Fato Concreto

Fato Concreto

Assalto a posto de combustíveis em Stª Bárbara termina em troca de tiros com a polícia em Feira de Santana.

  Na madrugada de segunda-feira (20/06/11), cinco homens que estavam ocupando um veículo Honda Cívic, preto, placa JRO-1474, cometeram um assalto na BR-116Norte a um posto de combustíveis.
  Segundo o frentista Antônio Carlos Santos Oliveira, que registrou queixa na 2ª Delegacia de Polícia, os assaltantes levaram o dinheiro que estava no caixa e ainda agrediram um funcionário do posto. Os elementos chegaram ao posto quando ainda estava fechado, perguntando se tinha gasolina e em seguida armas foram apontadas e o assalto anunciado. Eles levaram todo o dinheiro, cujo valor não foi revelado.
  A Polícia Militar foi acionada, uma guarnição avistou o veículo à altura da entrada do Distrito Maria Quitéria. Houve perseguição e troca de tiros, mas os elementos conseguiram fugir abandonando o veiculo, dois coletes a prova de balas e desapareceram no matagal. Não houve feridos. Na delegacia verificou - se que o  veículo  foi tomado de assalto no último dia 12 na cidade de Salvador e a placa que estava sendo usada pelos marginais era uma placa fria (placa falsa). O carro foi apresentado na 2ª CP e em seguida, enviado para ser periciado no Complexo Policial Investigador Bandeira.

“ Deslocamo-nos até a entrada do distrito de São José, quando o Honda Cívic passou. Houve o acompanhamento e eles se perderam na estrada devido a proximidade da nossa viatura e houve o confronto”, disse um policial militar do PETO 66. 
Veículo usado pelos marginais já na delegacia.
   A polícia descobriu ainda no porta-malas do HONDA CIVIC um computador e um pé de cabra, que segundo os PMs a quadrilha usava para arrombar cofres, cadeados e outros.
  De acordo com o tenente Afrânio da 66ª CIPM, estiveram embuídos nesta operação, policiais de todas as Cias de Feira de Santana, ele agradece à todos.

2 comentários:

Anônimo disse...

Uma salva de palmas pra estes policiais que se arriscam para protegerem algo que não é deles, mesmo comm ingratidão de toda uma sociedade que vivem apenas esperando o deslize de alguns para crucificarem à todos.

Anônimo disse...

Foi mais uma ação em que estavm Brito, Batista, Pedro e Figueiredo.

Postar um comentário

NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS DEPRECIATIVOS, DESRESPEITOSOS E EM DESACORDO COM AS LEIS VIGENTES.