Fato Concreto

Fato Concreto

Polícia frustra sequestro em andamento

A polícia militar da Bahia agiu rápido e conseguiu frustar um seqüestro que estava em andamento em Feira de Santana/Ba.

Uma quadrilha formada por homens de Salvador e de Santa Bárbara tentaram roubar e sequestrar uma família. O fato aconteceu no comecinho da manhã do dia 05/04/12 (quinta-feira). Dois homens e uma mulher, proprietários de um estabelecimento comercial, estavam parados na porta do comércio que fica localizado no município baiano de Santa Bárbara, quando foram abordados por homens que estavam a bordo de um veículo FOX, cor cinza e placa policial JSD 9988, licença de Salvador/Ba e também em uma moto (dados ignorados). As vítimas foram obrigadas a entrarem no carro e em seguida foram raptadas seguindo viagem em sentido  a cidade de Feira de Santana/Ba.
 
A ação dos bandidos foi percebida por populares que informaram a polícia sobre o ocorrido. Ao passar pela BR 116/Norte, próximo ao Posto Jaguar, a Equipe ALFA do PETO 66, juntamente com a EQUIPE ALFA do GETO 65 realizaram a abordagem do veículo que estava com os reféns e os marginais. O sgt Lourival do GETO 65 disse que foi necessário estratégia e cautela durante a ação, pois o risco de se ter um desfecho trágico era grande e esse é sempre um momento muito tenso. O sd Brito do PETO 66 disse que a estratégia adotada pelas equipes foi parar os caminhões na pista e com isso congestionar a via para evitar que os bandidos tentassem fugir em alta velocidade provocando assim perseguições desnecessárias.
 Foram presos nesta diligência Deivide Santos Freitas ( o nome escreve assim mesmo), 21 anos e Anderson dos Santos Sousa, 19 anos, ambos moradores do bairro Massaranduba em Salvador/Ba.
Os marginais estavam portando um revólver calibre 38 municiado e um revólver calibre 32 tambem municiado. Eles ainda confessaram a polícia que o FOx em que estavam, foi roubado na noite anterior na Capital do Estado e a intenção era concluir o sequestro e impor a extorsão de 25 mil reais em troca da libertação dos reféns.

O restante da quadrilha conseguiu fugir em um veículo PICK UP STRADA, que pertence a família que seria sequestrada.

Os elementos foram conduzidos e apresentados na 2ª DP, aonde foram autuados em flagrante pelo delegado, Dr. Euvaldo que os enquadrou nos artigos 157, 158 e 288 do CPB (código penal brasileiro), pelos crimes de porte ilegal de armas, extorsão mediante sequestro e formação de quadrilha.

* Fato Concreto

3 comentários:

Anônimo disse...

Que coisa bonita e gratificante é ver policiais realizando sua função com tanta responsabilidade e respeito. Prevaleceu a boa fé desses homens de bem. Parabens aos integrantes desta atitude.mais uma vez essa equipe alfa com soldado brito em ação.

Anônimo disse...

parabéns! isso que e ter visão saber trabalhar e agir com cautela. manter uma boa comunicação e saber trababalhar em equipe faz o grande diferencial Parabéns a todos que participaram desta operação que graça a Deus eao serviço prestado com qualidade tudo acabou bem>

Anônimo disse...

parabens,policia militar. cia 66 ,assim como as outras,sempre em açao,parabens sd cmt brito,DEUS CONTINUE TE IUMINANDO E PROTEGENDO JUNTO A TODOS OS SEUS COLEGAS DA BRIOSA POLICIA MILITAR

Postar um comentário

NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS DEPRECIATIVOS, DESRESPEITOSOS E EM DESACORDO COM AS LEIS VIGENTES.