Fato Concreto

Fato Concreto

Pm assassinado no Rio de Janeiro. Crime pode ter sido presente à um traficante

A morte de um cadete da PM do Rio de Janeiro, cujo corpo foi localizado na manhã de sábado (08/09/12), teria sido oferecida como um presente de aniversário à um traficante. Isso mesmo. O policial foi morto como forma de presentear um traficante.

O assassinato ocorreu em homenagem ao criminosos conhecido como "Ratinho", que teria comemorado mais um ano de vida neste último final de semana na Favela Chatuba, município de Mesquita, Baixada Fluminense.

O corpo de Jorge Augusto de Souza Alves Júnior, 34 anos, foi encontrado dentro do porta-malas de seu carro, um Fox cor preta na Vila Emil. Segundo informações, a identificação chegou a ser demorada porque o cadáver estava com o rosto completamente desfigurado. Havia também  evidências de violência sexual e marcas de espancamento e tiros.

O militar foi visto pela última vez saindo de uma casa de show, acompanhado de uma mulher, que agora está sendo procurada.

O militar assassinado estava na Polícia desde 2006 e iria assumir o serviço na manhã em que foi encontrado sem vida.

Fonte: Blog do Anastácio            

0 comentários:

Postar um comentário

NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS DEPRECIATIVOS, DESRESPEITOSOS E EM DESACORDO COM AS LEIS VIGENTES.