Fato Concreto

Fato Concreto

Fuga alucinante. Motorista atropela motoqueiro e só para depois de bater em viatura


Na manhã de 26 de janeiro de 2013 (sábado), policiais militares da 66ª CIPM (Companhia Independente de Polícia Militar) foram surpreendidos com a reação de Carlos Alberto de Souza Uchoa Filho, que trafegava com um veículo Polo, cor preta, placa policial JQV- 0556, licença de Feira de Santana/BA. Carlos Alberto desobedeceu a determinação de parada e furou o bloqueio policial batendo em vários carros, e ainda atropelou um motoqueiro após ter colidido frontalmente. 

No interior do carro foram encontrados 09 papelotes de cocaína, além de bebidas. Segundo informações da polícia, Carlos Alberto trafegava pela rua Intendente Abdon, bairro Queimadinha, quando avistou os policiais. Ele seguiu pela contramão na avenida Maria Quitéria, colidindo com uma motocicleta, cor preta, de placa policial DTL-9049, conduzida por Hélio Oliveira Lucena e tendo como carona Francinaldo Pereira de Jesus. Mesmo depois do impacto, o motorista continuou seguindo em alta velocidade, quando colidiu frontalmente com um Celta branco, que era conduzido por Irgley Pereira Amorim, 26 anos.


Ele ainda seguiu em alta velocidade fugindo da policia e só parou no viaduto que dá acesso a avenida Fraga Maia, quando foi atingido pela pela viatura da policia militar.

Todas as vitimas foram encaminhadas para o Hospital Geral Clériston Andrade, inclusive Carlos Alberto, que se machucou na batida.

"Um momento terrível que nunca pensei vivenciar. Fiquei triste ao ver aquele motorista atropelando a todos durante sua irresponsável fuga". Disse um dos PM.

0 comentários:

Postar um comentário

NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS DEPRECIATIVOS, DESRESPEITOSOS E EM DESACORDO COM AS LEIS VIGENTES.