Fato Concreto

Fato Concreto

Páginas

Bandidos morrem em troca de tiros com a polícia depois roubarem caminhoneiro em Feira de Santana


Em Feira de Santana/BA, dois ladrões morreram depois de uma intensa troca de tiros com policiais militares e civis, que ocorreu na noite de 23 de agosto de 2013. Um terceiro acusado acabou sendo preso nesta mesma ação.

A polícia foi acionada depois que três homens a bordo de um veículo fiat/doblô interceptaram um caminhoneiro na BR 116/Norte e praticaram um assalto, roubando todo o dinheiro dos ocupantes do caminhão. Os bandidos tomaram destino a Feira de Santana e já dentro do perímetro urbano foram avistados e perseguidos pelas guarnições. Segundo informações, pelo menos dez viaturas da PM e PC se mobilizaram neste cerco. Os marginais foram então bloqueados na avenida Eduardo Fróes da Mota (Contorno), próximo a instituição profissionalizante SENAI.


Os bandidos efetuaram disparos contra as guarnições, dando inicio assim, a uma intensa troca de tiros. Dois dos acusados foram atingidos. Os policiais providenciaram o imediato socorro, mas estes não resistiram aos ferimentos e morreram ao dá entrada no HGCA.

O terceiro integrante da quadrilha acabou preso. Ele se identificou como Renato da Silva, 35 anos (foto ao lado). Em entrevista ao repórter Marcos Valentim do site Boca de Zero Nove, Renato disse que mora em São Cristovão, Salvador/BA, e foi "convidado" pelos outros dois bandidos para vir a Feira levantar uma grana, daí ele aceitou porque estava com a mulher grávida. Ele disse conhecer os bandidos que morreram apenas como Caetano e Val, e que também eram moradores de São Cristovão.


O caminhoneiro e o carona falou do desespero e agonia vivido na estrada, enquanto eram saqueados pelos marginais. "Eles queriam dinheiro de qualquer jeito. Tivemos de entregar tudo o que tínhamos, cerca de R$ 4.500,00". Falou o dono do caminhão.

O dinheiro tomado de assalto foi todo recuperado pela polícia e devolvido às vítimas. O veículo utilizado pelos ladrões estava com uma placa fria (falsa) e tinha restrições de roubo.

Policiais de todas as CIPMs estiveram participantes desta ocorrência, bem como agentes da Polícia Civil que realizavam a Operação Visão Noturna.


                               
                                                * Fato  Concreto

10 comentários:

Anônimo disse...

Vão roubar agora no inferno cambada de miseráveis,a ação da policia só não foi melhor porque esse outro safado ficou vivo.Se sua mulher esta gravida vai trabalhar vagabundo,não fica inventando desculpa pra roubar,quer dizer se a vitima reage vocês matam ele(vitima) e deixe os filhos dele sem pai.

Anônimo disse...

Parabéns GUERREIROS....Tem que cortar esses vermes todos no aço!!!!!

Anônimo disse...

Poxa!!!esculhambaram o velório do cara...sapecaram a cara do pilantra kkkkkkkk...

Anônimo disse...

É... seu RENATO teu dia chega!!VEEEERME!

Anônimo disse...

Bandido bom é bandido...Parabéns à toda equipe envolvida! Padrão!

Anônimo disse...

É ISSO AI GUERREIROS,A LUTA CONTINUA,SÓ FALTA AGORA A APROVAÇÃO DO PEC

Anônimo disse...

Menos 2...pena que o que sobreviveu será benficiado pelas nossas Leis!

Anônimo disse...

feira eh interior mas num eh roça. aqui tem barril dobrado pra vcs tbm seus miseraveis

Anônimo disse...

E se fosse vcs rebanho de miseraveis eles eram gente nao bicho

Anônimo disse...

Polícia e td bandindo também pode alguém entrar na sua casa e le bater vc seno de menor e mulher são tds covarde so são homens quando tão de monte mais quando ta so um sao maricas ..

Postar um comentário