Fato Concreto

Fato Concreto

Páginas

Polícia Federal prende integrantes de quadrilha que pretendia realizar assaltos em Feira de Santana


A Polícia Federal prendeu quatro indivíduos no início da tarde de 12 de agosto de 2013 (segunda-feira), na BR-324 em direção à Feira de Santana/BA. Com eles foram apreendidos duas pistolas, duas metralhadoras e farta munição, inclusive de uso restrito.

A prisão ocorreu por volta das 13 horas, quando policiais federais abordaram os veículos utilizados pela quadrilha no deslocamento de Salvador/BA para Feira de Santana/BA onde, segundo denúncia anônima, realizariam um assalta à tarde.

A denúncia foi recebida pela Polícia Federal no início da manhã informando que quatro indivíduos fortemente armados e divididos em dois carros se encontrariam na região da Brasilgás (BR-324) para realização de assalto em Feira de Santana, não informando qual seria o alvo.

Policiais Federais e uma equipe do Comando de Operações Especiais da Polícia Militar (COE) já montavam campana velada no local do encontro às 10 horas da manhã. Por volta das 11:00 hs foram identificados carros com as mesmas características da denúncia, supostamente utilizados pelos assaltantes.

Os policiais acompanharam os dois carros até após o 2º pedágio da BR-324, próximo à Amélia Rodrigues, quando realizaram a abordagem aos veículos e constataram a presença de armas e munição no interior dos mesmos. Em seguida os policiais se dirigiram a um imóvel indicado por um dos presos, localizado no bairro de Sussuarana, em Salvador/BA, onde localizaram o restante do material apreendido.

Foram apreendidos na ação duas pistolas Taurus 7.65mm, duas metralhadoras aparentemente de fabricação caseira com três carregadores, cinco munições .380mm, 160 munições .40 (de uso restrito), dois coletes balísticos, diversos uniformes, inclusive de empresa de segurança, um Ford Focus, placa JPM-9597, ano 2003, e um Fiat Idea, placa OKU-4737, ano 2012.

Os detidos foram conduzidos à Superintendência Regional da Polícia Federal na Bahia, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Os quatro presos foram encaminhados à Cadeia Pública de Salvador onde permanecerão à disposição da Justiça Estadual.

Fonte: Serviço de Comunicação Social da Polícia Federal


0 comentários:

Postar um comentário