Fato Concreto

Fato Concreto

Páginas

Torcedor do corinthians preso na Bolívia troca tiros com a PM da Bahia


Na noite de 21 de setembro de 2013 (sexta-feira), guarnições da 57ª (Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) apresentaram no Complexo Policial Investigador Bandeira, em Feira de Santana/BA, o boletim de ocorrência de duas vítimas de uma  troca de tiros ocorrida no município de Santo Estevão/BA. De acordo com informações da polícia, entre os baleados está Raphael Machado Castilho Araújo, 19 anos. Ele é um dos integrantes da torcida Gaviões da Fiel, que foram presos na Bolívia.  Na época, um grupo de torcedores brasileiros, foi acusado de arremessar um rojão contra a torcida adversária no jogo válido pela Taça Libertadores da América envolvendo Corínthians e San Jose, ocorrido em fevereiro no ano passado. O adolescente Kevin Espada, 14 anos, foi atingido pelo artefato no rosto e morreu em um hospital local.



De acordo com o boletim da policia civil, Alex Nascimento Silva, o "Léo" 19 anos, morador do bairro da Caixa D' Água, no mesmo município onde ocorreu a troca de tiros, confessou durante entrevista à rádio Subaé, ter praticado vários delitos na região e sobre o envolvimento do corintiano. “Eu conheci o corintiano há aproximadamente 30 dias, então saímos para fazer uma parada”, frisou o jovem baleado. Contou ainda que Raphael estava em Santo Estévão a passeio, quando se conheceram e resolveram praticar assaltos. Alex e Raphael foram socorridos para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), em Feira de Santana, sob escolta da PM.



Na delegacia, foram apresentados documentos do torcedor paulista, como carteira de identidade, passaporte, alvará de liberação da polícia da Bolívia, além da carteira do torcida organizada. Um revólver calibre 38, também foi apresentado ao delegado Sérgio de Oliveira Vasconcelos. Segundo um policial, uma guarnição da PM estava realizando rondas ostensivas quando avistou os dois jovens em uma motocicleta e ao serem abordados tentaram fugir, sendo que um deles fez menção de atirar contra os policiais que revidaram e os suspeitos acabaram sendo baleados. Alex foi medicado e encaminhado ao Complexo Policial, enquanto Raphael permanece internado em estado grave no HGCA.




* Fato Concreto com informações do Central de Polícia

0 comentários:

Postar um comentário