Fato Concreto

Fato Concreto

Páginas

Polícia Civil desarticula quadrilha suspeita de assaltos em Feira de Santana



A Polícia Civil de Feira de Santana desarticulou no final da tarde desta quinta-feira (26), uma quadrilha suspeita de praticar assaltos na cidade de Feira e em outros municípios da Bahia.

Os integrantes da quadrilha foram identificados como Alan Francisco de Jesus Araujo (25), Alane Brandina Mota (20), Davison Sena Ribeiro Junior(18), Josevaldo da Silva Protásio Junior (20), Geovane Fagundes Rodrigues (44), todos esses moradores de Salvador e Emanoel Ribeiro Bitencort (21), morador do bairro Brasilia em Feira de Santana. Com a quadrilha os policiais encontraram duas pistolas calibre 380 e um revólver 38, além de munições.



O coordenador contou que a DTE recebeu denúncia anônima de que um grupo de bandido estava vindo de Salvador a Feira de Santana com o intuito de praticar uma série de assaltos contra estabelecimentos comerciais da cidade. "Após recebermos a denúncia, juntamos sete equipes da DTE, da coordenadoria e de outras delegacias. Preparamos uma campana, já que foi informado que uma parte vinha a bordo de um veículo Siena de cor Branca e outros dois, um deles mulher, vinham de ônibus, desceriam no Terminal Rodoviário e se juntariam a quadrilha na cidade", frisou Jobson.

Ainda de acordo com o coordenador, os policiais aguardaram os dois que vieram de ônibus se juntarem a quadrilha que estava no Siena e nas proximidades da Praça Jackson do Amauri, ao lado do Hospital Casa de Saúde Santana, centro da cidade, os policiais prendeu todos. "No linguajá da bandidagem, Alane Brandina se passou como "Mula", ou seja, responsável por carregar as armas ou drogas. Ela trouxe as armas dentro de sua bolsa ao lado do comparsa, Alan Francisco, se passando por um casal de passageiro, enquanto Emanoel, Davison, Josevaldo e Geovane vieram no Siena, para despistar a polícia. Caso houvesse uma blitz no caminho os policiais não iriam encontrar nada com eles, mas se deram mal e conseguimos frustrar a ação dessa quadrilha aqui", finalizou o coordenador.

Todos foram conduzidos para Central de Flagrante do Complexo de Delegacias do Sobradinho, onde foram autuados em flagrante por porte ilegal de arma e formação de quadrilha.


* Fato Concreto; com informações do Central de Polícia

0 comentários:

Postar um comentário