Fato Concreto

Fato Concreto

Páginas

Protesto em Feira de Santana denuncia a morte de policiais na Bahia


Profissionais de segurança pública realizaram em Feira de Santana, um protesto para denunciar o assassinato de pelo menos 50 policiais civis, militares e guardas municipais na Bahia.
A manifestação aconteceu na última segunda-feira (22) na Avenida Presidente Dutra, cruzamento com a Avenida Maria Quitéria.
Diversas fotos dos agentes de segurança que foram mortos nos últimos três anos na Bahia, ficaram expostas no protesto, o que chamou a atenção de quem passava no local.

“O objetivo é chamar a atenção da sociedade e principalmente das autoridades em relação à ‘baixa’ de policiais militares e outros agentes de segurança. Desde junho, tivemos 13 mortes”, relatou um dos organizadores da manifestação, o soldado Ribeiro.
O primeiro protesto foi realizado em Salvador, no dia 5 de junho, e também serão realizados nas principais cidades do estado.
A irmã do sargento Renilton Cruz, que foi assassinado no bairro Chácara São Cosme, no último dia 13 de maio, em Feira de Santana, foi uma das pessoas que compareceram ao protesto. O sargento Cruz morreu durante um assalto ocorrido em um restaurante.
“Queremos mais segurança para os policiais e para toda a sociedade. Os policiais também são cidadãos e pais de família. Esquecem que eles também precisam de segurança. Os policiais saem de casa e colocam uma farda e uma arma que não protegem”, disse Vânia Cruz.


* Informações e fotos: Blog Central de Polícia

0 comentários:

Postar um comentário