Fato Concreto

Fato Concreto

Páginas

Acusado de morte de empresário é executado com mais de 20 tiros em Feira de Santana


Na manhã desta quarta-feira (19), Eliomar Alexandre Rosa Nunes, de 32 anos, conhecido pelos apelidos de "Galego", "Kinha" ou "Bunda Branca", foi assassinado a tiros, em Feira de Santana. 





A vítima esteve custodiada no Presídio Regional da cidade e se encontrava em liberdade provisória, devido a suspeita de participação na morte do empresário Gil Porto (veja aqui).





Segundo informações, Eliomar (foto) foi alvejado com cerca de 30 tiros, quando ele se encontrava dentro do próprio carro, um Palio vermelho, placa OKJ-2112, em frente à casa da mãe, na Rua Irã, bairro Caseb. No local, peritos criminais encontraram munições de diversos calibres. Os tiros foram deflagrados por pelo menos três homens que estavam em um carro branco. Os disparos atingiram também a mãe da vítima, Rita de Cássia Santos Rosa, de 57 anos, e o irmão José Ronaldo Rosa, 21 anos.



De acordo com o pai da vítima, José Pedro Pereira Nunes, conhecido como detetive Dé, o filho estava morando na cidade de Santo Antônio de Jesus, mas vinha visitar a mãe com frequência. 



* Informações do site Acorda Cidade.


0 comentários:

Postar um comentário