Fato Concreto

Fato Concreto

67ª CIPM faz alegria da criançada com entrega de brinquedos


Policiais Militares lotados na 67ª Companhia Independente da Polícia Militar, que tem sede em Feira de Santana e está comandada pelo major Garcia, Fizeram a alegria de várias crianças na área de atuação da unidade. 

Após campanha de arrecadação de brinquedos realizado pelo Comando de Policiamento Regional Leste (CPRL) e a 67ª CIPM, os policiais saíram na manhã desta quarta-feira (11) numa ronda especial, com a intenção de fazer a distribuição de brinquedos e doces. 




A ronda iniciou-se na Comunidade Kilombola, situada no bairro São João do Cazumbá.  As crianças que estavam em sala de aula, bem como, as que se encontravam em torno da escola receberam brinquedos, um total de 60 pequeninos. Em seguida a Ronda da Alegria se deslocou para o Aviário, aonde mais de 70 crianças também foram beneficiadas. Logo em seguida, foi a vez da Comunidade do Alto das Pombas. No período da tarde, os policiais da 67ª CIPM, estiveram na zona rural de São Gonçalo dos Campos; Estrada da Ilha e Povoado das Pedrinhas totalizando somente nesses dois povoados, 110 crianças. 



Para a coordenadora da campanha, a caba PM Moreira, é um momento ímpar na sua carreira. "Não tem como não se emocionar com a alegria e o sorriso das crianças recebendo seu brinquedos".  disse a policial.

O soldado Miranda, também coordenador da campanha, explanou: "uma oportunidade muito boa de  estar bem perto dessas pessoas que muitas vezes sentem medo de nós, policiais, e de repente ficam surpresos com a nossa presença distribuindo presentes pra eles. Ações como essa já faz parte da nossa cia e até o final do ano outras campanhas serão desenvolvidas".

"Vale salientar que tudo isso é possível graças a ajuda não só dos policiais, mas, também da sociedade e empresas que doaram esses brinquedos e doces". Finalizou o sargento Ubiracy.

* Ascom/67 CIPM


       A POLÍCIA E A COMUNIDADE NA CORRENTE DO BEM

0 comentários:

Postar um comentário

NÃO SERÃO ACEITOS COMENTÁRIOS DEPRECIATIVOS, DESRESPEITOSOS E EM DESACORDO COM AS LEIS VIGENTES.